domingo, 20 de setembro de 2009

Desejando um mundo mais glorioso



Não atentando nós nas coisas que se vêem, mas nas que se não vêem; porque as que se vêem são temporais, e as que se não vêem são eternas. 2 Coríntios 4:18


A Terra e as coisas terrestres perecerão com o uso. Uns poucos anos passarão e a morte virá. Seu destino eterno será estabelecido, eternamente estabelecido. Se sua alma está perdida, o que lhe compensará essa perda? Cristo, o Doador da vida, o Redentor, o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo mostra a você um mundo mais nobre. Ele o coloca ao alcance de sua visão. Leva-o ao limiar do Céu e o faz contemplar as glórias das realidades eternas, para que suas aspirações possam ser estimuladas a compreender o eterno peso de glória, acima de toda comparação. Ao contemplar cenas celestiais, começa a arder em seu coração o desejo de ter amizade com Deus e ser completamente reconciliado com Ele.


O trabalho do nosso Salvador é ajustar as reivindicações entre os interesses do Céu e os da Terra, colocar os deveres e as responsabilidades da vida que agora existe na devida relação com os que concernem à vida eterna. O temor e amor a Deus são as primeiras coisas que devem reivindicar nossa atenção. Não podemos deixar para amanhã aquilo que é de interesse da nossa alma. A vida que agora vivemos devemos viver pela fé no Filho de Deus. Somos redimidos dos elementos miseráveis do mundo com uma redenção que é total e completa. [...]


Mas em meio a esse mar de misericórdias, essa plenitude de amor divino, muitos corações continuam indiferentes, descuidosos e não impressionados pelas provisões da graça de Deus. Não devemos nós que alegamos ser cristãos fazer esforços para quebrar o encanto que Satanás lançou sobre essas pessoas? Devemos deixá-los continuar em dureza de coração, sem Deus e sem esperança no mundo? Não; mesmo que todo apelo que venhamos a fazer seja desprezado e recusado, não podemos cessar de orar por eles e de suplicar por sua salvação. Devemos fazer tudo o que pudermos, com o auxílio do Santo Espírito de Deus, para derrubar as barreiras através das quais eles procuram se tornar inconquistáveis à luz da verdade de Deus. Devemos procurar abrir seus olhos para sua cegueira, livrando-os do cativeiro de Satanás (ST, 17/7/1893).


Autora: Ellen G. White




16/08


Um comentário:

  1. ______████ _
    _____██████ _
    ____████████__________ ▌
    ___███____███_________ █
    ___██_______██__________▌
    __███________█__________▌
    __▌●█________█_________█
    __███_______ █_________█
    ___██_______█________██
    ____________██_______██__▌
    ____█______██______███_ █
    _____▌_____██_____████_█
    __________███___█████_█_█
    ________███__██████__█_█
    ______███__████____██_█
    _____███_█████_████_█
    ____████_██████_███_█__▌
    ___████_█ █__███ _█__██_▌
    __█████_████_▌_█_███_▌
    _█████_██___██___██_█
    _█████_███████_███__█__██
    _███_▌███___██____██_███
    _███_▌█████___███__█__█
    _████_▌▌___█__█_██████
    __██████_████__▌_████
    ___█████_____████████
    ._=--███████████████
    _=--=_-████████████
    =--_=-_=-█████████
    _______,-(''-.,(''-.,*♥*,.-''),.-'')-,________
    ¯¯¯¯¯¯¯¯'-(,.-''(,.-''*♥*''-.,)''-.,)-'¯¯¯¯¯¯¯


    ¡¡ QUE TENGAS UNA FELIZ SEMANA !!

    ResponderExcluir